From 1 - 3 / 3
  • Categories  

    A Agência Nacional de Águas, em parceria com os 8 estados nos quais o Sistema Aquífero Guarani aflora (RS, SC, PR, SP, MG, MS, MT e GO), desenvolveu este estudo com o objetivo de avaliar a vulnerabilidade natural à contaminação e o perigo de contaminação nas áreas de afloramento do aquífero Guarani (SAG), tanto em áreas urbanas quanto rurais, de modo a estabelecer uma base técnica para o planejamento das ações e medidas de proteção das águas subterrâneas, constituindo uma referência de apoio à decisão para os órgãos gestores estaduais. O estudo foi desenvolvido em escala regional (1:250.000) e local (1:50.000) em duas áreas piloto: São Gabriel do Oeste (MS) e São Sebastião do Caí (RS). A partir deste estudo é possível implementar as estratégias propostas que incluem, em síntese, ações e procedimentos específicos para orientar o planejamento regional e local nos territórios dos Estados em que o SAG incide, visando disciplinar o uso e a ocupação do solo nas áreas de afloramento, direcionar aspectos da conservação ambiental, além de recomendar ações para o fortalecimento da gestão participativa e normas de proteção do SAG. Finalmente, o presente estudo disponibiliza um banco de dados georreferenciado incorporado ao Sistema de Informações do Sistema Aquífero Guarani no PSAG (SISAG). O projeto, concluído em 2016 (revisado em 2018), foi conduzido pela Agência Nacional de Águas e executado pela Empresa Engecorps Engenharia S.A.

  • Categories  

    O método Curve Number (CN) desenvolvido pelo SCS (Soil Conservation Service, 1957) é um método simples, muito difundido e eficiente para determinar o volume aproximado de escoamento superficial de um evento de chuva em uma região. Apesar de o método ser delineado para um evento particular de chuva, ele pode ser escalonado para se encontrar valores anuais de escoamento superficial. Os dados de entrada pras se utilizar esse método são poucos: quantidade de chuva e curve number (CN). O CN é baseado na classe hidrológica do solo e no uso da terra e ocupação do solo da bacia.

  • Categories  

    Apresenta as bases de dados e a síntese do método aplicado para a elaboração do mapa de capacidade de água disponível (available water capacity, AWC) para solos brasileiros, realizado pela ANA e pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), como uma das atividades do Atlas Irrigação: Uso da Água na Agricultura Irrigada. A umidade retida pelo solo é utilizada como critério no dimensionamento de projetos de irrigação e em aplicações diversas nas áreas da agronomia e hidrologia, que incluem estudos de: balanço hídrico, disponibilidade de água às plantas, infiltração, condições de drenagem, condutividade hidráulica, estresse hídrico e movimento de solutos no solo.