From 1 - 9 / 9
  • Categories  

    Este mapa interativo contém dados sobre propriedades e usos da água cadastrados pelo escritório técnico da bacia do Piranhas Açu. O cadastro foi realizado sob coordenação da Coordenação de Cadastro da Superintendência de Fiscalização COCAD/SFI no período de 06/03 à 20/04/2017 no rio Piranhas ou Açu, trecho a jusante do açude Armando Ribeiro Gonçalves até a foz.

  • Categories  

    Apresenta os resultados do estudo sobre o Uso da Água na Agricultura de Sequeiro no Brasil (2013-2017). Apresenta informações estratégicas para o planejamento e a gestão setorial e dos recursos hídricos, além de subsidiar a revisão, regionalização e ampliação das Contas Econômicas Ambientais da Água (CEAA) no Brasil. Para maiores informações, acesse a publicação em "recursos online".

  • Categories  

    Os dados apresentam a matriz de coeficientes técnicos para cálculo da demanda hídrica da indústria de transformação no Brasil, bem como a demanda estimada em 2015 em base municipal com a aplicação desta metodologia indireta. O estudo originou a publicação "Água na Indústria: Uso e Coeficientes Técnicos". Para maiores informações é necessário acessar os recursos online listados abaixo.

  • Categories  

    Os Coeficientes Técnicos de Uso da Água para a Agricultura Irrigada constituem valores de referência com grande relevância para o planejamento e a gestão da irrigação. Os indicadores de uso da água - mensais, por cultura e município - são resultado de milhões de simulações com dados climáticos e parâmetros técnicos detalhados ao longo do estudo. Para maiores informações, acessar os recursos online disponibilizados na seção "Informação sobre a distribuição" deste metadado.

  • Categories  

    O metadado apresenta os resultados do levantamento das áreas de cana-de-açúcar irrigadas na região Centro-Sul do Brasil, que utilizou técnicas de processamento de imagens de sensoriamento remoto e análise de dados meteorológicos. Este estudo originou a publicação "Levantamento da Cana-de-Açúcar Irrigada na Região Centro-Sul do Brasil". Para maiores informações, acessar os recursos online listados abaixo.

  • Categories  

    Apresenta os resultados do levantamento das áreas irrigadas e fertirrigadas de cana-de-açúcar no Brasil, que utilizou técnicas de geoprocessamento, processamento de imagens de sensoriamento remoto, dados meteorológicos e informações setoriais. Este estudo originou a publicação "Levantamento da Cana-de-Açúcar Irrigada e Fertirrigada no Brasil". Para maiores informações, acessar os recursos online listados na seção "Informação sobre a distribuição" deste metadado.

  • Categories  

    O Atlas Irrigação: Uso da Água na Agricultura Irrigada apresenta apresenta uma retrospectiva, um panorama atual e uma visão de futuro sobre a agricultura irrigada brasileira, com foco no levantamento de áreas irrigadas, no potencial de expansão e no uso da água associado. Essa página apresenta recursos da primeira edição publicada em 2017. Acesse em recursos online o link para os dados da segunda edição .

  • Categories  

    Apresenta as bases de dados e a síntese do método aplicado para a elaboração do mapa de capacidade de água disponível (available water capacity, AWC) para solos brasileiros, realizado pela ANA e pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), como uma das atividades do Atlas Irrigação: Uso da Água na Agricultura Irrigada. A umidade retida pelo solo é utilizada como critério no dimensionamento de projetos de irrigação e em aplicações diversas nas áreas da agronomia e hidrologia, que incluem estudos de: balanço hídrico, disponibilidade de água às plantas, infiltração, condições de drenagem, condutividade hidráulica, estresse hídrico e movimento de solutos no solo.

  • Categories  

    O Atlas Irrigação: Uso da Água na Agricultura Irrigada apresenta apresenta uma retrospectiva, um panorama atual e uma visão de futuro sobre a agricultura irrigada brasileira, com foco no levantamento de áreas irrigadas, no potencial de expansão e no uso da água associado. Nessa segunda edição, o Atlas teve o seu escopo atualizado e ampliado em relação à versão original publicada em 2017. Essa base técnica visa subsidiar as tomadas de decisão com vistas à segurança hídrica da a e à garantia dos usos múltiplos da água.